<%@LANGUAGE="VBSCRIPT" CODEPAGE="1252"%> Artigos

PELAGEM PAMPA - VARIEDADES E PARTICULARIDADES DE SINAIS

Lúcio Sérgio de Andrade - Zootecnista - CRMV - 11/Z
Árbitro oficial de equideos marchadores

A pelagem é definida como sendo o conjunto formado pela cor, ou cores, da pele, pêlos, crineira e cauda. A Classificação zootécnica das pelagens dos equídeos engloba 05 (cinco) categorias, com seus tipos e variedades:

CATEGORIAS TIPOS VARIEDADES

A - Pelagens Básicas e Uniformes Preta diversas
Alazã diversas
Branca nenhuma

B - Pelagem Básica, com extremi- Castanha diversas
dades escuras

C - Pelagens Diluídas Baia diversas
Pêlo de Rato diversas
Palomina nenhuma
Amarilha nenhuma
Albina nenhuma

D - Pelagens Compostas, Tordilha diversas
Rosilha diversas
Lobuna diversas
Ruã diversas

E - Pelagens Conjugadas Pampa diversas
Appaloosa diversas


A ABCPAMPA reconhece oficialmente diversas variedades de pelagem Pampa, sendo a mais característica, e de ocorrência mais frequente, a pelagem Pampa Padrão, ou clássica, que se define pelo contraste nítido entre as áreas de cor branca e áreas de cor sólida. As malhas brancas distribuem-se de forma irregular, quase sempre unindo-se de um lado a outro, entre o pescoço e a garupa.



Frequentemente, os animais de pelagem Pampa apresentam sinais brancos na cabeça e membros, com calçamentos bem definidos e cascos claros ou mesclados. Entretanto, as particularidades de sinais localizados na cabeça e membros não caracterizam a pelagem Pampa Padrão. Mas se um animal é de cor sólida no pescoço e tronco, apresentando área branca na crineira e/ou na cauda, será portador da genética da pelagem Pampa Padrão. Da mesma forma, esta genética estará presente nos casos menos frequentes em que ocorre apenas uma ou poucas manchas brancas pequenas nas áreas superiores, compreendidas pelo pescoço, cernelha, dorso-lombo e garupa. É importante ressaltar que a pele sob as manchas e malhas brancas é de cor rosa. Ao contrário, nas áreas de pelagem sólida a pele é escura, mesmo que os pêlos tenham se esbranquiçado, como acontece nos casos do efeito de "tordilhar".


Não são aceitas no Registro Genealógico da ABCPAMPA as seguintes pelagens:

- Overo: Variedade de pampa típica da raça Paint Horse
- Appaloosa: Típica da raça Appaloosa.
- Conjugação da Pampa Padrão X Appaloosa

 

 

Variedades oficiais de pelagem pampa

A ABCC PAMPA - Associação Brasileira dos Criadores do Cavalo Pampa, supervisiona o Serviço de Registro Genealógico da raça com base em 4 (quatro) grupos de pelagem Pampa:

1 - Pampa de Castanha (ou de outra pelagem sólida) - Quando a cor branca distribui-se de forma predominante, cobrindo área superior a 50% da superfície compreendida entre pescoço e tronco. A palavra pampa vem à frente, referindo-se à área de coloração branca, que se conjuga com áreas de coloração sólida.

2 - Castanha (ou outra pelagem sólida) Pampa - Quando a cor sólida distribui-se de forma predominante, cobrindo área superior a 50% da superfície compreendida pelo pescoço e tronco..

3 - Tordilha (ou outra pelagem sólida)Chita Pampa - Quando a cor branca distribuí-se na forma de manchas de formato e tamanho irregulares, cobrindo área inferior a 50%, com distribuição predominantemente localizada no ventre e costados, e raramente ocorrendo em áreas localizadas no pescoço ou outras áreas do tronco. Também raramente a área de cor branca une-se de um lado a outro, como é típico na variedade Pampa Padrão.

4 - Pampa Chita de Tordilha (ou outra pelagem sólida) - Quando as manchas brancas ocupam mais de 50% da área total compreendida entre pescoço e tronco, geralmente passando de um lado a outro, confundindo-se com a pelagem pampa padrão. Esta variedade de chita é de ocorrência menos frequente. Geralmente se manifestará a partir do acasalamento de animais de pelagem pampa padrão X chita..

Até a ENAPAMPA/2001, realizada de 16 a 19 de Agosto, também eram aceitos no Registro Genealógico da ABCPAMPA animais portadores de uma outra variedade de pelagem pampa, classificada pela ABCPAMPA como Rosada. A diferença para a Chita é que na Rosada as áreas brancas ocorrem na forma de pintas, pequenas, não de manchas. Em muitos casos os animais "salpicados de branco", comuns na raça Mangalarga, eram erroneamente classificados como de pelagem Rosada. Acontece que no caso dos "salpicados" a cor branco incide nos pêlos, não na pele. Para ser rosada, a pelagem precisa apresentar pintas nitidamente brancas, de pele rósea.
Na atual regulamentação de classificação de pelagens pela ABCPAMPA foi determinada uma área branca mínima de 100cm quadrados, localizada nos costados ou no ventre, como característica de identificação dos animais Chita, oficialmente reconhecidos pelo Registro da raça Mangalarga como "Bragados".

Particularidades de sinais

As particularidades de sinais nos membros e na cabeça não caracterizam a pelagem pampa. Entretanto, quase todos os exemplares de pelagem pampa são portadores de alguma particularidade de sinal nestas regiões. Nos membros, estas particularidades podem ser:

- Quatralvo - calçamento nos quatro membros
- Trialvo - Calçamento em três membros
- Pedalvo - calçado dos membros posteriores
- Manalvo - Calçado dos membros anteriores
- Calçamento de um membro apenas
- Calçamento do bípede diagonal ou lateral

Os calçamentos são diferenciados pela altura de localização no membro, podendo ser:
- baixo calçado (entre a coroa do casco e o boleto);
- médio calçado (entre o boleto e o joelho, e/ou jarrete);
- alto calçado (acima do joelho, e/ou jarrete)

 

Voltar